SOBRE SOM: Vivian Caccuri

Para finalizar a nossa discussão sobre som e arte, falaremos sobre Vivian Caccuri. Artista brasileira, residente no Rio de Janeiro, seu trabalho sempre utilizou o som como a base fundamental de sua pesquisa. Em seus trabalhos, a artista sempre traz o som como um amálgama que alinha experiências sociais e históricas, muitas vezes silenciadas em meios acadêmicos e intelectuais.
Durante a quarentena Vivian apresentou o trabalho audiovisual “Vivian e Gustavo” sobre a música sertaneja, realizado em parceria com o artista Gustavo Von Ha. O trabalho é um retrato cru e desconfortável do que é o movimento sertanejo, um dos principais pilares da nossa cultura, sempre contaminado pelo nosso histórico de colônia, que ironicamente nunca se libertou da submissão às grandes economias mundiais. O agronegócio é o pano de fundo do imaginário sertanejo, e todos os seus desmembramentos transitam nesse universo.

Toda a obra de Vivian transita com intimidade entre os limites frágeis que separam som, arte, cultura, história e sociedade.

1. Vivian Caccuri - "Fantasma Cinza", 2020
barra de ferro, tela de proteção, barras de alumínio e miçangas
"Gray Phantom", 2020

2. Vivian & Gustavo, 2020
Vivian Caccuri + Gustavo von Ha
Vídeo, cor e som

3. Vivian Caccuri - “Trítono Frágil”, 2020
vidro e couro

4. Vivian Caccuri - A Woman's Work 3, 2020
barra de ferro, tela de proteção, cordão de poliéster, linha de algodão e alumínio